Ir para o conteúdo principal

Primeiro-Ministro e Ministro da Defesa Nacional visitam forças destacadas no Iraque e na Grécia

O Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, acompanhou hoje o Primeiro-Ministro, António Costa, numa visita ao contingente militar português no Iraque.

Portal da Defesa na InternetInícioComunicaçãoNotíciasPrimeiro-Ministro e Ministro da Defesa Nacional visitam forças destacadas no Iraque e na Grécia
18 de dezembro de 2019

​O Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, acompanhou hoje o Primeiro-Ministro, António Costa, numa visita ao contingente militar português no Iraque. 

Durante a visita ao campo de treino de Besmayah, onde se encontra o 10.º contingente nacional integrado na operação “Inherent Resolve", a comitiva portuguesa assistiu a uma breve cerimónia militar e às atividades de treino no interior da base, seguida de uma apresentação sobre o ponto de situação da missão.  De seguida, o Primeiro-Ministro e o Ministro da Defesa Nacional almoçaram com os 30 militares portugueses, incluindo três mulheres, e tiveram ainda uma videoconferência sobre os resultados e objetivos da missão. 

Portugal participa desde 2015 na operação “Inherent Resolve", uma coligação internacional que conta com cerca de 80 países, e que tem entre os seus objetivos a missão de capacitação das forças armadas e de segurança iraquianas, através da formação e treino. 

Recorde-se que a última visita à força portuguesa destacada no Iraque foi realizada pelo ministro da Defesa Nacional em julho passado, altura em que destacou o “trabalho extremamente valioso" e o “imenso apreço dos Iraquianos pelo trabalho dedicado, exigente e especializado" dos contingentes nacionais naquele país.

Trabalho notável

O trabalho dos portugueses em missões internacionais foi também destacado ontem na Grécia, numa visita do executivo português aos elementos da Polícia Marítima que se encontram destacados na ilha de Samos, em missão da Agência Europeia FRONTEX.

“Parece um paraíso, mas de noite, sobretudo quando o mar está chão como hoje, vivem-se cenas dramáticas de refugiados a atravessarem o estreito.  O trabalho da Polícia Marítima é verdadeiramente notável.  Veio ter connosco o Vice-Primeiro-Ministro grego para agradecer", destacou João Gomes Cravinho durante a visita na Grécia.

A operação POSEIDON da agência europeia FRONTEX e em apoio à Guarda Costeira grega, tem o objetivo de controlar e vigiar as fronteiras marítimas gregas e externas da União Europeia, no combate ao crime transfronteiriço, no âmbito das funções de guarda costeira europeia.

Desde 2014, quando iniciou a participação na missão, a Polícia Marítima já resgatou cerca de 6940 pessoas.​

O executivo português segue agora viagem para Nova Deli, na Índia, onde na quinta-feira participará nas comemorações do 150.º aniversário de Mahatma Gandhi.


​​

Partilhar
Conteúdo