Ir para o conteúdo principal

Portal da Defesa na InternetInícioComunicaçãoNotíciasHelena Carreiras presente na apresentação do ciclo de estudos 2023/2026 do Centro de Recursos de Stress em Contexto Militar
19 de outubro de 2023

Realizou-se no dia 18 de outubro, no Ministério da Defesa Nacional, a sessão pública de apresentação do ciclo de estudos 2023/2026 do Centro de Recursos de Stress em Contexto Militar (CRSCM).

 

O evento, presidido pela Ministra da Defesa Nacional, marcou o início de um novo plano de trabalhos para os próximos três anos, numa parceria com estruturas e órgãos dos Ramos das Forças Armadas e com instituições de Ensino Superior, com o apoio das associações que integram a Rede Nacional de Apoio.

 

Na sua intervenção, Helena Carreiras, destacou a prioridade deste Governo sobre as políticas dirigidas aos Antigos Combatentes, aos Deficientes Militares e às suas famílias. “Três anos depois da entrada em vigor do Estatuto do Antigo Combatente, importa aprofundar e consagrar novos direitos e benefícios, prosseguir uma política nacional solidária, que tem orgulho, apoia, reconhece e dignifica os Antigos Combatentes, os Deficientes Militares e as suas famílias", referiu.

 

Na sessão pública, que contou com a participação de elementos das Forças Armadas, estabelecimentos de ensino superior público, associações de apoio aos antigos combatentes e deficientes militares, o Presidente do CRSCM, Contra-almirante Nelson Santos, fez um balanço das atividades já desenvolvidas, seguindo-se uma apresentação dos estudos a desenvolver no novo ciclo pelo Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa, pelo Centro de Investigação e Intervenção Social do Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa, pela Escola de Psicologia da Universidade do Minho, pelo Observatório do Trauma do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e pela Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa e o Centro de Psicologia Aplicada do Exército.

 

O Centro de Recursos de Stress em Contexto Militar, formalmente instituído pelo Estatuto do Antigo Combatente, em 2020, tem como missão recolher, organizar, produzir e divulgar informação e conhecimento relativo ao impacto da prestação do serviço militar na saúde e bem-estar dos militares, nomeadamente no que respeita a Perturbação de Stress Pós-traumático (“Post-Traumatic Stress Disorder" - PTSD) e outras perturbações psicológicas crónicas, baseado numa abordagem multidisciplinar, abrangendo as áreas médica, psicológica, social e político-jurídica.

 

Para desenvolver a sua missão, o CRSCM estabeleceu, desde o início da sua criação, parcerias com centros de investigação de diversas universidades portuguesas e com diferentes estruturas dos ramos das Forças Armadas, as quais, integrando o seu Conselho Científico, têm procurado desenvolver estudos de natureza multidisciplinar, no sentido de extrair conclusões e recomendações que possam ser traduzidas em propostas de ações e de medidas, no âmbito do stress e do trauma em contexto militar. 

​​

Partilhar
Conteúdo