Ir para o conteúdo principal

Portal da Defesa na Internet
Centenário da Polícia Marítima

A cerimónia comemorativa dos 100 anos da Polícia Marítima decorreu no dia 10 de novembro, em Quarteira.

Portal da Defesa na InternetInícioComunicaçãoNotíciasCentenário da Polícia Marítima
10 de novembro de 2019

O Ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, revelou que a Polícia Marítima vai beneficiar de um reforço de efetivos superior a 10% no início de 2021, estando prevista a abertura de um concurso para admitir 25 novos agentes.

O anúncio foi feito no final da cerimónia dos 100 anos da Polícia Marítima, que decorreu no dia 10 de novembro, em Quarteira. João Gomes Cravinho referiu que os 25 novos agentes terão de completar uma formação de 15 meses, juntando-se depois aos outros 39 elementos que assumiram recentemente funções.

O Ministro da Defesa Nacional destacou a importância destas admissões para a Polícia Marítima, ao sublinhar que acontecem “pela primeira vez em 10 anos."

Além do aumento do número de agentes, João Gomes Cravinho falou também sobre os estatutos desta força, referindo que há um conjunto de ideias a integrar na nova lei orgânica da Polícia Marítima, acrescentando que será preciso investir em equipamentos e recursos humanos.

Foi ainda assegurada, para o início de 2020, a abertura do novo Posto Marítimo e Estação Salva-Vidas de Quarteira, que ficarão instalados no porto de pesca, num espaço cedido pela Docapesca. Além desta infraestrutura, haverá 5 apartamentos para alojar a tripulação, no antigo edifício dos faroleiros, que terá obras de adaptação.

João Gomes Cravinho reafirmou ainda o compromisso do Governo para a “valorização, consolidação e modernização" da Polícia Marítima, dando como exemplo o sistema “Costa Segura".

Na cerimónia, que decorreu em Quarteira, o Ministro vincou também o contributo da Polícia Marítima para o resgate de mais de 6.500 migrantes no Mediterrâneo ao longo dos últimos 5 anos, no âmbito da missão Poseidon, conduzida pela agência Frontex.

Os salvamentos ao largo da Grécia deram origem a uma exposição fotográfica, patente do Auditório Autárquico de Quarteira, da autoria de uma equipa da RTP constituída por David Araújo, Leonel Soares e Rosário Salgueiro, que conta com testemunhos de migrantes, dados da missão e uma parte dedicada ao Campo de Refugiados de Mória.

As comemorações do centenário da Polícia Marítima incluíram ainda a imposição de condecorações, uma homenagem aos mortos da Polícia Marítima, desfiles e uma demonstração de capacidades.​

Partilhar

Conteúdo