Ir para o conteúdo principal

5 000 prontos para ajudar as Forças Armadas no combate ao coronavírus

Cerca de 5 000 voluntários já se disponibilizaram para ajudar as Forças Armadas no combate à pandemia de COVID-19.

Portal da Defesa na InternetInícioComunicaçãoNotícias5 000 prontos para ajudar as Forças Armadas no combate ao coronavírus
25 de março de 2020

Em resposta ao ape​lo​ encetado pelo Estado-Maior-General das Forças Armadas a militares na reserva, na reforma, respetivos familiares, civis e ex-militares que se identifiquem com as Forças Armadas e/ou respetivos familiares, cerca de 5 000 já se disponibilizaram para auxiliar as Forças Armadas Portuguesas nas ações de reforço ao Serviço Nacional de Saúde e de combate à propagação da COVID-19.

Os voluntários inscritos, cujas áreas de formação passam pela medicina, farmácia, enfermagem, psicologia, incluindo ainda outras áreas de apoio, serão colocados nas 18 unidades militares de apoio disponibilizadas pelas Forças Armadas por todo o país, incluindo ilhas.

Além da instalação de unidades de campanha foram ainda disponibilizadas pelas Forças Armadas 2 000 camas destinadas a cuidados de saúde diferenciados e 300 destinadas a apoiar os profissionais do Serviço Nacional de Saúde.

Estas são algumas das medidas de combate à propagação do coronavírus implementadas pelo Ministério da Defesa Nacional, que, entretanto, já determinou o regresso do NRP Sagres da viagem de circum-navegação.

No conjunto das iniciativas tomadas constam a disponibilização do Laboratório Militar na produção de medicamentos e gel desinfetante, a suspensão temporária das atividades do Dia da Defesa Nacional – que se prolonga até 30 de abril, e, à semelhança do recomendado e seguido por outras entidades governamentais, o cancelamento de eventos públicos, encerramento de espaços culturais e a adoção do regime de teletrabalho por parte dos colaboradores do Ministério da Defesa Nacional.

Partilhar
Conteúdo